Fiscalização do uso de EPI


Empregador, se for para indicar a ordem de prioridade das suas obrigações, a saúde e segurança dos seus empregados está em qual posição?

Já ocorreu algum incidente ou acidente com seu colaborador? Em caso positivo, como essa ocorrência poderia ter sido evitada?

Você tem o hábito de treinar seus empregados para o uso correto de EPIs ou sua empresa apenas cumpre o protocolo de entrega desses equipamentos?

A fiscalização do uso de EPIs por seus trabalhadores e da manutenção da salubridade no ambiente de trabalho é rigorosa?

É de se esclarecer que, dependendo dos procedimentos adotados, sua empresa pode estar concorrendo com potencial risco de acidente de trabalho ou doença ocupacional, devendo, por conseguinte, assumir a responsabilidade em caso de ocasionar uma lesão permanente ou até mesmo ceifar a vida do seu empregado.

Assim, é preferível ter ações para eliminar ou mitigar o risco supracitado do que pagar uma pensão vitalícia decorrente da incapacidade laborativa ou pagar uma indenização em caso de óbito.

Em outras palavras, não é interessante o empregador estar disposto a pagar um preço alto para aceitar a existência do risco apontado. Portanto, assegurar a integridade física e a saúde do seu time deve ser prioridade máxima.


0 visualização